• Editor

Empilhadeira: torre duplex e torre triplex


Na hora da compra de uma empilhadeira, é necessário identificar o tipo de torre que está na proposta e o ambiente onde serão realizadas as operações com a empilhadeira. Portanto, separamos alguns pontos que irão facilitar o seu entendimento.



As empilhadeiras com torre duplex tem uma composição mais simples que a triplex, com apenas dois estágios de elevação e é considerada padrão. As limitações deste equipamento são: não são boas para espaços com baixa altura e não operam dentro de contêineres ou caminhões fechados. Em contrapartida são modelos com preço mais acessível.


Por outro lado, as empilhadeiras com torre triplex são mais completas e mais versáteis, servindo para vários tipos de operação, mas principalmente para carga e descarga de caminhões e contêineres fechados.



Uma desvantagem é que possuem mais peças que o modelo anterior, mas como vantagem proporcionam maior elevação livre e deixam as empilhadeiras mais baixas e mais compactas, podendo passar por portas/portões. Vale a pena ficar atento também à medida do mastro abaixado para saber se, mesmo com a torre abaixada, ela consegue passar pelo seu portão.


E você, qual dos dois modelos prefere? Deixe sua resposta nos comentários.


Para acompanhar essas dicas de perto siga-nos no @empilhadeirascatarinense no Instagram.


Está precisando de algum equipamento para a sua operação? Então ligue para o (47) 3346-1100 ou pelo e-mail vendas@empilhadeirascatarinense.com.br


300 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo